Anna Beatriz
  • Twitter Black Praça
  • YouTube Quadrado Preto
  • Instagram Quadrado Preto
  • Facebook quadrado preto

JORNALISTA

Carioca, do sol e do mar apaixonada pela natureza.  Ama viajar, ama tanto que vive

viajando e descobrindo a própria cidade.

Salve Salve Pelo Rio! E aí gente, tudo certo com vocês? Hoje resolvi compartilhar com vocês um pouco do meu intercâmbio mas não só sobre coisas burocráticas, sobre a minha cidade escolhida mas principalmente como isso me mudou. Hoje é dia 20 de dezembro, quase meia noite e me deu uma vontade de abrir meu coração de verdade porque sinto que sim, eu preciso compartilhar isso com o mundo! Queria muito que alguém tivesse me contado essas coisas antes..

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Bem, pra começar eu preciso dizer que eu acredito que viajar é uma das melhores experiências que se pode ter na vida! Conhecer lugares e se ver em situações diferentes é extraordinário. Através do meu intercâmbio fiz umas das viagens mais fantásticas, a viagem que mais me transformou, a viagem para dentro de mim mesma.

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Em agosto de 2017 embarquei para a California, para estudar inglês por 4 meses. Acho que poderia ter sido para qualquer lugar para estudar qualquer outra coisa ou língua. Nunca imaginei que sair da minha zona de conforto mudaria tanto a minha forma de enxergar a vida. O louco é que aqui vivendo minha vida dia após dia não percebia essa zona de conforto. Me sentia independente, seguindo o rumo das coisa, faculdade, trabalho... tudo como tinha que ser. Quem nunca se sentiu assim? Não sei dizer se acontece dia após dia ou se em algum momento, assim de repente simplesmente viramos uma chave e colocamos a nossa vida em piloto automático. Paramos de prestar atenção nos detalhes da vida e em como tudo a nossa volta pode ser fantástico e passamos a ver simplesmente com a lente do comum, do rotineiro.

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Quando fechei o meu intercâmbio eu sabia que ia ser o máximo, sabia que poderia ser desafiador, sabia que eu ia lembrar pra sempre... Deixei tudo para traz, todo o meu conforto, segurança, certezas... Tudo isso para simplemente viver uma nova experiência. Mas acontece que quando desembarquei no Aeroporto Internacional de San Diego com todo o meu nervosismo, expectativas e sonhos na bagagem senti minha vida virando de cabeça pra baixo. Acho que a minha chave virou. 

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Tomar esse choque de realidade faz um bem danado porque é a melhor forma de desligar o piloto automático da vida. Quando desligamos o piloto automático você consegue enfim perceber o que realmente importa e percebe que as coisas mais simples são as mais extraordinárias. Já parou para pensar no por do sol? Como pode ser tão incrível e acontecer TODOS os dias? GENTE O CÉU MUDA DE COR NA HORA DO POR DO SOL, isso é fantástico. A vida é fantástica.
 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Aprendi a ser flexível, nem tudo vai sair como planejado e tá tudo bem. Descobri que nós sempre podemos mudar o nosso ponto de vista e também tá tudo bem! Durante esse periodo fora, tive que esforçar para me encaixar nessa nova realidade, nova casa, novos amigos, novas conversas, novos costumes, nova rotina... Por mais que sempre tenhamos medo de viver o novo, é tão gostoso viver novas experiências, assim com a consciência plena tudo que está acontecendo, longe automático, é como se fosse uma página em branco prontinha para ser desenhada em um dia de criatividade extrema. 

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Quando você se abre para novas pessoas e oportunidades tudo acontece. Comecei a perceber as coisas com mais cautela, prestar atenção nos detalhes dos lugares, das pessoas, das conversas e principalmente dos sorrisos. Percebi que as pessoas são muito melhores e humanas do que eu imaginava ou talvez lembrava. Vivendo em outro pais por tanto tempo você se descobre, se afeiçoa a algumas, se despede de outras, se descobre mais um pouco, troca experiências, toma decisões, se descobre uma nova pessoa em outra realidade.

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Depois desse intercâmbio percebi que a vida é MUITO mais descomplicada do que a gente acha. Quando pensei em fazer o meu intercâmbio não queria ir morar nos EUA, porque na minha cabeça que lá só tinham pessoas capitalistas e tinha muito medo de virar uma pessoa assim. Me deixei vencer pelas fotos maravilhosas da California. Fui pra San Diego, me surpreendi. Descobri um lugar de pessoas doces e adoráveis. Que não amam dinheiro, amam a natureza e param quase todos os dias para ver o sol se pôr. 

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Mudei meu ponto de vista, desliguei meu celular e comecei a ver a lua. Sim! Sempre gostei do sol e acho que depois desses dias vendo ele se por todos os dias fiquei mais conectada a ele ainda. Quando o sol se punha eu agradecia e conversava tanto com o universo que fazia nascer a lua. Vi que a lua pode ser tão linda e esperada quanto o sol. Em San Diego e nas cidades próximas não é comum ter luz nas praias por isso, percebi que a lua pode iluminar tanto quanto sol. Já reparou isso? Sempre fui muito agitada, ansiosa e elétrica mas depois do meu intercâmbio, tento ver os detalhes.

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Aprendi a ser mais flexível e paciente, aprendi a compartilhar. Me apaixonei por uma, duas, três culturas diferentes. Fiz amigos japoneses, suíços, taiwanês, alemães, americanos... Vi um mundo enorme, bem ali na minha frente e o mais importante, me senti parte dele. NÃO TEM NADA MELHOR DO QUE SE SENTIR CONECTADO COM O MUNDO! Afinal, você faz parte disso, nós fazemos o mundo.

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Se você está se preparando para um intercâmbio, vá! Mas vá com o coração leve e aberto para simplesmente viver! E se você você for pra San Diego, feliz escolha! VOCÊ VAI AMAR! 

Se você quiser ver um pouco mais da minha viagem, tem vários videos no canal!

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Beijinhos

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Facebook: www.facebook.com/pelorioblog
Twitter: https://twitter.com/beatrizps
Snapchat: @beatrizps

Instagram: @beatrizps7

Ai ai California, poderia começar esse texto falando o quanto você é especial, mágica e principalmente como você vai ser pra sempre um dos lugares mais importantes da minha vida. Mas não vim aqui pra falar de você hoje, esse dia ainda vai chegar mas vamos deixar pra próxima tá? Acho que ainda não estou preparada.

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Bem, a alguns meses deixei o conforto do meu lar pra encarar uma aventura e tanto... embarquei para a minha primeira viagem sozinha. Lembro muito claramente o frio na barriga de quando entrei na sala de embarque sozinha. Eram tantas coisas que não podia esquecer, burocracias... Tinha comigo uma pilha de papeis, passaportes, visto, imigração e uma coragem que em certos momentos até eu duvidava que tinha.

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

As vezes a vida nos surpreende tanto né? Lembro que depois de  horas de voo, imigrações, escalas e conexões, finalmente cheguei no Aeroporto Internacional de San Diego. Meu coração acelerou, minhas mãos suaram. MANO DO CÉU e agora? Logo pensei, é hora de viver!

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Já ouviram aquele frase cuidado com o que você deseja? Então, meses antes eu desejei tanto mais tanto estar ali onde eu estava, eu me lembro de ter pensado "AH! AGORA O MUNDO É MEU!". Não posso mentir e dizer que minha viagem foi só maravilhas mas faz parte né? Acho os problemas aparecem para nos tornar mais forte e flexíveis. Sim! Se tem uma coisa que essa viagem me tornou foi flexível. Hoje faço amigos em qualquer lugar, como qualquer coisa, durmo em hostel com quarto de 4, 6 ou 10 camas, me divirto em qualquer lugar. Logo quando cheguei fui fazendo amigos e conhecendo pessoas... descobri quando se esta viajando sozinho as pessoas em geral são mais abertas a socializar. Acabou que conheci tantas pessoas que logo não estava mais sozinha.

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Um mês depois, uma amiga minha foi me visitar e fomos para Los Angeles. Foi maravilhoso, vivemos dias incriveis! Conhecemos Hollywood, Santa Monica, Venice Beach, Malibu... Até que chegou o dia em que a Thaissa tinha que voltar e não conseguimos ir para San Francisco. Mas eu queria tanto ir pra lá, conhecer São Francisco pra mim sempre foi um sonho! Desde quando assistia o diário da princesa todos os dias ou quando não perdia um episódio de as visões da raven! Eu realmente achava que já conhecia São Francisco como a palma da minha mão. E por que não ir? Eu estava ali tão perto, com tempo... Comprei a passagem na noite do dia anterior e fui.

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Quando cheguei na cidade peguei um uber e lembro que a motorista me perguntou quem eu ia encontrar na cidade e quando eu respondi: NINGUÉM, vim sozinha mesmo! Senti um orgulho, percebi que eu era realmente dona de mim. Nesse momento lembrei quantas coisas ou viagem deixei de fazer por simplesmente não ter companhia. Gente nunca deixe de fazer algo por não ter companhia ou por medo de alguem não aprovar, se você quer e se vai te fazer feliz VAI LÁ E FAZ!

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Essa foi oficialmente minha primeira viagem sozinha, eu mesma reservei meu hostel, comprei minha passagem, entrei no avião e fui! Que loucura não? Com 23 anos, do outro lado do mundo, descobri que minha companhia é muito boa, que eu sou muito mais legal do que eu pensava e que quando se está sozinho você está sempre mais aberta a conhecer novas pessoas e fazer amigos! Amigos esses que podem ser pro resto da vida! Nessa viagem para San Francisco, fiquei em um hostel onde só no meu quarto cada dia tinha uma pessoa diferente! É tão legal compartilhar experiências com pessoas que muitas vezes não tem a menor ideia da sua cultura! Eu realmente amei viajar sozinha e de verdade todo mundo tem que ter essa experiência um dia na vida. Viajar sozinho é libertador!

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Se você quiser ver um pouco mais da minha viagem, tem videos do meu primeiro mês aqui no blog!

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Beijinhos

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Facebook: www.facebook.com/pelorioblog
Twitter: https://twitter.com/beatrizps
Snapchat: @beatrizps

Instagram: @beatrizps7

Hoje vim dar um salve pra galera que curte ver um por do sol! Se você me segue no instagram você deve ter visto que tenho compartilhados pores do sol extraordinários por lá e muita gente tem me perguntado o porque desse compromisso de ver o por do sol todos os dias. Por isso, hoje vim contar um pouquinho dessa história para vocês.

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Eu realmente não sei porque gosto tanto de por do sol mas a conexão que só esse momento me traz é incrível e indescritível! Sempre fui uma pessoa muito agitada e elétrica, sabe? Acho que gosto tanto de por do sol porque é a única coisa que me faz de fato parar de fazer qualquer outra coisa e só sentir! Sentir o momento, sentir a energia e principalmente sentir a gratidão tomar conta de mim.  Sou encantada pelo por do sol porque acho no mínimo impressionante ser tão lindo, mágico e acontecer todos os dias. Sim, o céu muda de cor todos os dias sem esperar nada ou ninguém.

 ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Desde que eu decidi ver o por do sol todos os dias muita coisa mudou! Hoje sinto que tenho uma hora marcada, um compromisso real (a hora de me reenergizar), é o momento que tudo para. Desde que comecei a fazer isso percebi que muita gente aqui em San Diego faz isso, para tudo que está fazendo só para digamos dar um "até logo pro sol". Sem desculpas, não acredito que esses 5 minutos vão realmente atrasar o seu dia.

Faz um tempo que ando colecionando pores do sol! Que sorte a minha poder assistir e sentir essa energia. Que decisão sabia estou amando guardar memórias ao invés de coisas. Agora me promete uma coisa? Tente você também! Se você não conseguir ver o sol de fato se por, tente ao menos ver o céu mudar de cor... eu tenho certeza que você não vai se arrepender!

ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Ah! Não esquece de me acompanhar nas redes sociais, só assim você consegue ver TUDINHO em tempo real. Inclusive a minha coleção de pores do sol. Vou deixar aqui também a minha playlist SUNSET DA BIA no Spotify para quem quiser.

ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤㅤ ㅤㅤ

Beijinhos

ㅤㅤFacebook: www.facebook.com/pelorioblog
Twitter: https://twitter.com/beatrizps
Snapchat: @beatrizps

Instagram: @beatrizps7

Please reload

  • Twitter Black Praça
  • YouTube Quadrado Preto
  • Instagram Quadrado Preto
  • Facebook quadrado preto